Adaptação ao futuro graças à retromontagem | OMRON, Portugal

Início de sessão

Temos experienciado dificuldades técnicas. O seu pedido não foi submetido com sucesso. Por favor aceite as nossas desculpas e tente novamente mais tarde. Detalhes: [details]

Download

Registo

Temos experienciado dificuldades técnicas. O seu pedido não foi submetido com sucesso. Por favor aceite as nossas desculpas e tente novamente mais tarde. Detalhes: [details]

Download

Obrigado por se registar na Omron

Foi-lhe enviado um e-mail para concluir o registo da sua conta para

Voltar ao Website

obtenha acesso directo

Preencha os seus dados abaixo e obtenha acesso directo ao conteúdo desta página

Text error notification

Text error notification

Checkbox error notification

Checkbox error notification

Temos experienciado dificuldades técnicas. O seu pedido não foi submetido com sucesso. Por favor aceite as nossas desculpas e tente novamente mais tarde. Detalhes: [details]

Download

Agradecemos o seu interesse

Já tem acesso a Adaptação ao futuro graças à retromontagem

Foi enviado um e-mail de confirmação para

Continuar para a página

ou obtenha acesso directo para transferir este documento

A Staveb Automation AG conta com os controladores OMRON (PLC) para retromontagem. A empresa suíça de produtos alimentares Delica AG substitui o sistema de controlo e a tecnologia de acionamento para uma maior produtividade, redução de desperdício e processo de embalagem mais rápido.

As máquinas na produção de alimentos e bebidas têm de ser fiáveis, seguras, rápidas e manter a qualidade ao longo de muitos anos e até mesmo décadas. São necessárias tecnologias de alto desempenho e manutenção contínua, mas as máquinas têm também de estar em conformidade com as mais recentes normas, especificações e requisitos da empresa. As chamadas soluções de retromontagem, ou seja, a modernização ou expansão das instalações e equipamentos existentes, são essenciais para a competitividade e proveito futuro. A Staveb Automation AG, com sede em Hitzkirch, no cantão suíço de Lucerna, é especializada nestas soluções de retromontagem, para além da automação industrial, robótica e engenharia de controlo. As fábricas de produção semi e totalmente automatizadas que operam com sistemas de controlo desatualizados beneficiam desta modernização, mas devem ser adaptadas com precisão aos requisitos da empresa de colocação em serviço. Enquanto parceira de longa data, a Staveb conta com a tecnologia de controlo da OMRON, especialista internacional em automação. O exemplo da empresa suíça de produtos alimentares Delica AG comprova as vantagens do projeto de retromontagem no domínio da produção de gelados em cone.

Escassez de peças sobresselentes e máquinas desatualizadas dificulta produtividade

Para modernizar as fábricas e as linhas de produção, por um lado, as empresas são impulsionadas por esforços de eficiência. Por outro lado, são também forçadas a abrir novos caminhos, uma vez que deixa de existir assistência, as peças sobresselentes estão em falta ou as atualizações do sistema já não se encontram disponíveis. O problema: os pedidos de reparação acumulam-se, o equipamento nem sempre está disponível e a produção é interrompida. A Staveb tem vindo a ajudar empresas numa grande variedade de indústrias a modernizar as suas instalações e processos há cerca de três décadas. Desde então, as tecnologias sofreram grandes alterações, os processos tornaram-se cada vez mais automatizados e as soluções cada vez mais ligadas. O que não mudou: o gelado em bolacha, os chamadas gelados de cone, que são tão populares hoje como há 30 anos. Se uma peça sobresselente faltar durante a produção, tal pode originar graves perdas de produção que empresas como a Delica, anteriormente Midor, pretendem evitar a todo custo.

Detetar e eliminar avarias mais rapidamente

É por essa razão que as instalações devem manter-se atualizadas. Os sistemas de controlo modernos são essenciais, uma vez que contribuem para diagnosticar avarias de forma muito mais rápida e fácil do que anteriormente. Além disso, a modernização deste tipo aumenta a produtividade. Isto pode ser alcançado, por exemplo, através de uma aquisição e comunicação de dados mais rápida, o que permite maior flexibilidade durante as alterações do produto. A tecnologia de acionamento otimizada também acelera os processos. A Delica AG, em Meilen, optou a favor da modernização devido à descontinuação, pelo fornecedor, do sistema de controlo anteriormente utilizado, pelo que este deixou de ser suportado. Além disso, o software de programação do sistema construído nos anos 90 deixou de ser executado no ambiente Windows atual. "O sistema funcionava bem mas, além do problema de controlo, o desgaste era demasiado elevado e as peças sobresselentes tornavam-se cada vez mais caras. Portanto, integrámos também novos eixos servo e substituímos as engrenagens mais gastas", relata Urs Weber, líder da equipa de eletrónica de automação/IH da Delica.

Foco nas pessoas

"Houve também um número crescente de falhas na tecnologia de acionamento e as peças mecânicas sobresselentes tiveram, por vezes, tempos de entrega de vários meses, bem como preços astronomicamente elevados, o que naturalmente não era desejado. Além disso, a segurança da máquina já não era de última geração", acrescenta Michael Engler, COO da Staveb Automation AG. Além do sistema de controlo, a oferta de retromontagem da Staveb inclui também engrenagens, tecnologia de acionamento e servo, tecnologia de segurança e sensores, bem como sistemas de medição, se necessário. O foco de cada projeto está nos operadores e responsáveis pela manutenção, cujo trabalho deve ser facilitado. As soluções de interface homem-máquina (HMI) simplificam ainda mais o manuseamento de máquinas. Além da produção de gelados, a Staveb modernizou igualmente linhas de enchimento com chucrute, pasteurização de massas frescas, embalagem de hambúrgueres, vegetais ou saladas prontas para consumo.

Solução a partir de uma única fonte e colaboração personalizada

A Delica já estava familiarizada com a Staveb e a OMRON, mas utilizou anteriormente soluções de tecnologia de acionamento de outros fornecedores. No projeto de modernização, tudo deveria ser unido. "Os utilizadores da máquina devem sempre ter o mesmo GUI à sua frente", explica Engler. A Staveb tem utilizado controlos da OMRON para vários projetos de retromontagem desde 2003. Os clientes usufruem não só dos muitos anos de experiência de ambos os especialistas em automação, mas também do facto de receberem uma solução personalizada a partir de uma única fonte e sem um grande esforço de implementação. "Colaboramos com a OMRON por estarem muito próximos do cliente. Em particular, os engenheiros de aplicações estão sempre disponíveis quando surge uma questão", conclui Engler.

A base é a plataforma de automação Sysmac, para além das drives 1S da OMRON, com integração contínua desde o controlador de máquina NX/NJ ao software. Com a plataforma de software Sysmac, a funcionalidade PLC, o controlo de motion, o controlo de robótica, a HMI, a segurança e o sistema de câmaras podem ser integrados e ligados em toda a linha. A Sysmac tem sido utilizada em sistemas PLC desde 1971. "A Sysmac é mais aberta quando comparada com soluções de outros fornecedores e, portanto, torna as adaptações de produção muito mais fáceis", afirma Reto Stenico, responsável comercial da OMRON na Suíça. Este afirma que a plataforma permite que os utilizadores reajam de forma mais flexível às mudanças, controlem entradas incorretas e se adaptem mais rapidamente às novas exigências do mercado: "Simplifica a configuração da linha".

Menos desperdício, processo de embalagem mais rápido

Outro dos desafios do projeto Delica que teve de ser superado prende-se com a grande variedade de mudanças na produção: para além dos diferentes sabores, existem até 30 coberturas de gelado diferentes e até 20 formas diferentes que têm de ser tidas em consideração em cada mudança de produção. Anteriormente, podia acontecer que até 30 000 gelados de cone não fossem colocados no mercado durante a mudança. Graças à instalação mais moderna, as mudanças de produção são agora efetuadas sem quaisquer rejeições. Além disso, os processos de embalagem estão agora entre 10% e 20% mais rápidos.

Projeto de retromontagem com um grande impacto

A IoT, a inteligência artificial (IA) ou a programação automática (ML) são frequentemente discutidas no contexto da Indústria 4.0. Mas, por vezes, nem sequer têm de constituir o grande impulso de inovação para racionalizar a produção e proporcionar-lhe uma nova dinâmica. "Substituir um sistema de controlo e a tecnologia de acionamento pode muitas vezes fazer uma grande diferença no que diz respeito aos tempos de registo, eficiência energética ou manutenção preventiva", resume Stenico.